Refrativa Terapêutica

Consiste na mais nova abordagem da cirurgia refrativa. É uma inovação por fazer a correção individualizada dos erros refracionais. No pré-operatório é realizado um exame chamado de aberrometria que mede as deformidades (aberrações) mais sutis do olho e permite que se faça um melhor planejamento da cirurgia. Além de corrigir as aberrações de baixa ordem (correção do grau de miopia, astigmatismo ou hipermetropia), a cirurgia personalizada corrige também as alterações de alta ordem – deformidades corneanas – que antes não podiam ser diagnosticadas e tratadas. A correção dessas deformidades mais sutis torna o procedimento personalizado e melhora o resultado cirúrgico pós-operatório.

As diferenças entre a cirurgia refrativa laser e a cirurgia refrativa a laser personalizada são:
• Examinar cada olho para detectar detalhes não vistos previamente, chamados de aberrações de alta ordem. Esse estudo é feito através do equipamento chamado aberrômetro.
• Planejar o tratamento de forma individualizada, podendo corrigir erros visuais ou aberrações específicas em cada olho;
• Programar o laser para realizar um tratamento preciso – um tratamento que seja único e específico para cada paciente.

As diferenças de resultado entre a cirurgia refrativa laser e a cirurgia refrativa laser personalizada são:
• Excelente qualidade de visão em todas as condições de luminosidade.
• Notável acuidade visual com melhora na sensibilidade ao contraste.
• Os pacientes reportaram menores problemas com direção noturna, halos e ofuscamentos, quando comparados com os resultados do LASIK convencional.
• A grande maioria dos pacientes ficaram muito satisfeitos com seu tratamento e o teriam feito outra vez.